• Advertise

26/04/2017


CONVÊNIO ENTRE O COFECI E A CAIXA DARÁ EXCLUSIVIDADE AOS CORRETORES NA COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS RETOMADOS

 

Parceria irá disponibilizar para venda até 40 mil propriedades ao longo de 2017 em todo o Brasil


O Sistema Cofeci-Creci assinou um convênio com a Caixa Econômica Federal para abrir mercado para os corretores de imóveis. Pelo acordo, os profissionais interessados poderão se inscrever, em seus respectivos Regionais, para comercializar os imóveis retomados pela instituição bancária e já disponíveis para venda direta. Nessa terça-feira, 25, o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis 14ª Região (CRECI-MS), Delso José de Souza, recebeu representantes da instituição financeira para formalizar e acertar detalhes do convênio.


Pelo convênio, a remuneração será de 5% sobre o valor da propriedade, pagos pela Caixa ao corretor imobiliário. Em Mato Grosso do Sul, há 102 imóveis disponíveis para venda, segundo levantamento até fevereiro deste ano. De acordo com o presidente do CRECI-MS, Delso José de Souza, o próximo passo agora é operacionalizar o cadastro dos corretores de imóveis interessados em comercializar as unidades habitacionais. Para participar desse convênio, os profissionais deverão estar em dia com suas obrigações junto ao Conselho.


O convênio prevê, também, um treinamento para que os corretores de imóveis possam atender melhor o cliente dentro das normas desse convênio. Nesse treinamento, haverá informações sobre o perfil dos imóveis, a distribuição por sorteio aos profissionais, quais estão ocupados ou desocupados, as modalidades de financiamento que a Caixa irá oferecer – o que já facilita o processo de vendas --, entre outras informações. Cada propriedade será exclusiva do sorteado, que terá um período para realizar a comercialização.


“É uma excelente oportunidade para os profissionais realizarem boas vendas com todo o amparo da instituição financeira e do CRECI-MS”, afirmou Delso. Participaram da reunião o gerente regional da Superintendência Regional da CAIXA/MS, Ubiratan Chaves, e a representante da Gerência de Alienação de Bens da CAIXA, Andréa Nantes Paim Marietti.


PARCERIA - A parceria repete uma bem-sucedida experiência, ocorrida nos anos 90, que foi coordenada então pelo atual presidente do Cofeci, João Teodoro. A CAIXA, na época, firmou o primeiro convênio do gênero com os corretores de imóveis. O êxito daquela experiência ajudou a dar celeridade nos entendimentos entre o Sistema Cofeci-Crecia e a CAIXA para firmar o convênio atual.


“Em pouco tempo nossa categoria vendeu milhares de imóveis e ainda conseguiu bons acordos para a desocupação das propriedades que estavam ocupadas”, relembra o presidente João Teodoro. Muitas das propriedades da listagem atual também poderão estar habitadas, informação esta que deverá ser passada aos possíveis compradores. De acordo com levantamento preliminar da Caixa, a maioria expressiva da carteira é composta por imóveis residenciais, de um, dois e três dormitórios.


O corretor de imóveis que deseja se cadastrar, deve acessar o link: 

adv_banner

 


adv_banner