02/07/2018

Acordo firmado pelo COFECI assegura cobrança via protesto para inquilinos inadimplentes

O Conselho Federal de Corretores de Imóveis (COFECI) divulgou o acordo firmado entre a instituição e a Confederação Nacional de Notários e Registradores que permite ao Conselhos Regionais e empresas imobiliárias o envio de títulos em atraso para protesto. O acordo já em vigor e vale para todo o Brasil.

 

Nos termos da parceria está previsto que os Conselhos Regionais enviem para os cartórios de protesto as Certidões de Dívida Ativa de Anuidades. Mas a parceria beneficia também empresas imobiliárias e corretores de imóveis que podem enviar para o protesto contratos de aluguel de imóveis inadimplentes e contratos de corretagem, inclusive.

 

Os ônus dos débitos junto aos cartórios serão pagos pelos devedores. “É mais uma ferramenta de cobrança para auxiliar o dia a dia da classe e diminuir a inadimplência”, destacou o presidente do CRECI-MS, Delso José de Souza.

 

adv_banner